Topo
Tour na Toscana / Florença  / Florença e a Galleria degli Uffizi

Florença e a Galleria degli Uffizi

A esplêndida cidade de Florença foi fundada por volta do ano 59 A.C. pelos romanos. A cidade é reconhecida como o berço da Arte e do Renascimento, onde nasceram ou se formaram inúmeros expoentes da pintura, escultura, literatura e arquitetura como Giotto, Donatello, Brunelleschi, Botticelli, Leonardo da Vinci, Michelangelo e tantos outros.

Florença é a capital da Região da Toscana,  possui aproximadamente 380,000 habitantes e em 1982 o seu centro histórico foi reconhecido como Patrimônio da humanidade pela UNESCO. Não é a toa que Florença recebe esses títulos pois basta visitá-la apenas uma vez para se apaixonar pela cidade e pela sua história.

Ao caminhar pelas suas ruas estreitas repletas de segredos e histórias, com seus edifícios medievais e palácios renascentistas, mergulhamos em uma outra dimensão sem esquecer do um grande número de restaurantes típicos de uma invejável tradição culinária.

A cidade conta com vários edifícios históricos importantíssimos, entre eles podemos citar: Catedral de Santa Maria del Fiore, Batistério, Campanário de Giotto, Praça da República, Mercado del Porcellino, Praça da Signoria, Uffizi, Ponte Vecchio (Ponte Velha), Palácio Pitti, Galeria da Academia, Basílica de Santa Cruz, Igreja de Santa Maria Novella, Museu de Palácio Vecchio, Museu del Bargello, Museu e convento de São Marcos.

 Conheça a Galeria dos Uffizi

 O Uffizi é uma das galerias de arte mais famosas do mundo, principalmente pela preciosidade das obras conservadas no seu interior. No sec. XVI a cidade de Florença era governada pelo Grão Duque Cosimo I da família dos Medicis, grandes mecenas e colecionadores de manuscritos, pinturas, esculturas, etc… Além de Florença, Cosimo I governou toda a região da Toscana e em 1560, decidiu construir umanova sede para os ofícios das magistraduras florentinas – a Galleria degli Uffizi.

O arquiteto deste grandioso edifício foi Giorgio Vasari, que trabalhou nele até o fim da sua vida. Após sua morte, a construção foi terminada em 1680 por outros grandes arquitetos como Bernardo Buontalenti e Alfonso Parigi.

A arquitetura da Galleria degli Uffizi possui a forma de U, e na parte externa é decorada com estátuas de personagens ilustres da Toscana.

A partir da sua conclusão o filho de Cosimo I, Francesco I começou a posicionar um grande número de esculturas e pinturas que faziam parte da coleção da família.

No ano de 1737, com a morte de Giangastone, o último grão-duque da família Medicis que não deixou herdeiros, a sua irmã Anna Maria Luisa, escreveu um documento entitulado Pacto de Família, endereçado à futura família governante da Toscana, os Lorenas, onde vincula todo o patrimônio da família à cidade de Florença para sempre.

O Museu dos Uffizi hospeda esculturas antigas, além da coleção de pinturas que vão do período gótico ao Renascimento e podemos encontrar obras primas realizadas por artistas como Giotto, Botticelli, Leonardo da Vinci, Michelangelo, Raffaello, Caravaggio, etc…

Em 2014 o Uffizi recebeu quase 2.000.000 de visitantes, tornando-se o museu mais visitado da Itália.

Texto: Carla Rocha

Sem Comentários

Deixe uma resposta:

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close